Papel de pão – Desenhando a própria história

Era uma vez...
Um menino que imaginava que poderia transformar seus sonhos em realidade. Ele tinha um brinquedo muito curioso, uma engenhoca maluca: Um carrinho feito como um caixote, rodinhas feitas com rolimãs e dois braços de madeira ligados por pregos e parafusos a um travessão, também feito em madeira: Um carrinho de rolimã.

Sempre com um sorriso no rosto, corria para cima e para baixo brincando com seu carrinho que resolveu apelidar de Reco-reco e, como ele o utilizava para catar trecos e baracutecos, alguns chamavam o menino de Zeca Catatrecos.

Tomou gosto pela leitura e pelos desenhos através dos muitos livros, revistas e gibis que ganhava das pessoas, das “donas de casa” que ele conhecia ao bater de porta em porta pedindo, todo sorridente, coisas para vender ao “ferro velho”. Livros e revistas de histórias em quadrinhos eram seus brinquedos favoritos e o faziam viajar todas as noites para a Terra do Nunca.

Por causa deles começou também a inventar e desenhar, em Folhas de papel de pão, suas próprias histórias. Dona Maria José, sua professora do ensino fundamental, percebendo seu talento, o incentivava através de simples gestos como pedir a ele que criasse os cartazes dos trabalhos escolares e tratando-lhe com elogios.

Palavras que o fazia acreditar que ele era um “Pequeno ilustrador” ou um “Pequeno escritor” e que, um dia, poderia ser no futuro, quando deixasse de ser criança e fosse homem feito, um grande “contador de histórias de verdade”, daqueles que escrevem livros e encantam milhares de crianças. Acreditou tanto que assim aconteceu.

Descobriu que podemos reinventar tudo a nossa volta e que para tornar sonhos em realidade devemos descobrir o segredo deste mistério: Ser gente grande sem jamais deixar de ser criança.



Jótah é autor de livros dirigidos às crianças e ilustrador de renomados autores brasileiros da literatura infanto-juvenil como Ana Maria Machado, Tatiana Belinky, Flávio de Sousa, Sylvia Orthof e de clássicos da literatura mundial como A Ilha Do Tesouso de Robert Louis Stevenson, Os Miseráveis de Victor Hugo e Macbeth do dramaturgo William Shakespeare.

Participou de importantes realizações do cinema e da TV, como a série Aladdin da Disney transmitida pela Rede Globo de televisão, Parábolas da Vida transmitida pela Rede Vida de Televisão, Turma da Mônica e do premiadíssimo RÁ-TIM-BUM exibido pela TV Cultura e outras emissoras educativas.

MISSÃO

Identificar, valorizar, incentivar e orientar, com motivação e criatividade, crianças e jovens a encontrarem em seus talentos um sentido de vida, transformando suas vocações em suas profissões, sendo úteis a si mesmos e à sociedade.
VISÃO
Identificar, Orientar e Incentivar.

Transformar sonhos em objetivos concretos desenvolvendo e colocando nossos talentos a serviço do bem comum e possamos, desta forma, evoluir juntos espiritualmente, intelectualmente, emocionalmente e profissionalmente.
VALORES

Admiração e respeito pelos potenciais autênticos existentes em cada pessoa. Com humildade e dedicação incentivar a fé, a criatividade e o talento do maior número de pessoas possíveis e interessadas em transformarem seus sonhos em realidade.



FRASES

"Transforme sua vocação em sua profissão e terá descoberto sua missão."

"Criatividade é pensar e fazer diferente o que a maioria faria igual."

"Quanto mais para dentro de nós mesmos caminharmos, para mais longe poderemos ir. Aquele que busca fora de si, força para alcançar o seu destino, caminha sem chegar a lugar nenhum e por isso sua busca é constante. É a combustão interna dos motores que impulsionam os foguetes em direção a um ponto específico no céu."



Contato


Facebook


Blog


Youtube